quinta-feira, 16 de julho de 2009

Conselhos de um pecador.

Por Enzo Almeida - Encontro com o Poder

Gosto de Amoras!

Quando era criança, no caminho da escola havia uma rua, que era especial, toda ela era costeada de um córrego, o que tornava um ambiente de aventuras e brincadeiras para mim e meus amigos.

Além do córrego e as pedras, havia mais um motivo para gostar daquela rua. Eram as Amoreiras, que com o córrego ficavam cheias de frutas na sua época.

Adorava passar ali, geralmente ao voltar da escola demorávamos ali naquelas árvores mais do que o normal, brincávamos no córrego, nas pedras e nos deliciávamos com as amoras.

Aprendi naqueles dias que para saborear a amora mais roxinha e doce, era necessário subir mais alto, escalar o último galho, pois ninguém subia lá para buscá-las, e estas tomavam mais sol, portanto, não perdia tempo com os galhos baixos e me aventurava subindo até o ponto mais alto.

Minha mãe logicamente não gostava nada disso, sempre me orientava a não subir nas árvores, a não brincar no córrego, a vir da escola direto para casa, para não perder tempo na rua.

Mas todos os dias passava por aquela rua, algumas vezes confesso: tentei resistir, tentei caminhar pelo outro lado da rua, com a cabeça baixa sem olhar para as amoreiras. Mas como um imã, aquilo tudo era mais forte, e diversas vezes subia as árvores, para pegar "só uma amora".

Lembro de chegar em casa, todo sujo de amora, com a boca lambuzada, com as mãos roxas, e na cozinha minha mãe me olhar com aquele ar de reprovação e perguntar por que desobedeci subindo nas árvores e comendo amoras.

E eu, ali, todo sujo comprovando "meu crime", com as mãos sujas e boca lambuzada afirmando enfaticamente que "não tinha comido amora nenhuma”.

Posso ser sincero?

Sou a pessoa adequada para dar "conselhos de um pecador", sei o que é cair, sei o que é ser pecador, conheço minha miséria. Mas Graças ao Pai pela misericórdia e a graça em Cristo Jesus.

Somos assim. Pecadores. E quanto a isso a maioria não tem problemas em admitir.

Se você perguntar em sua igreja quantos ali são pecadores, creio que todos levantaram as mãos. Agora se perguntarmos para a mesma congregação quantos ali são Adúlteros, Ladrões, Mentirosos, Viciados em Pornografia, Fofoqueiros ou qualquer outro pecado "com nome", duvido que alguém levante a mão.

Isso se dá ao fato de entendermos o pecado como algo genérico, pois tudo que tem nome, endereço e RG fica mais claro aos olhos, e não gostamos de encarar nosso verdadeiro eu. Fique olhando ao espelho e me diga quanto tempo consegue sem fechar os olhos.

Aceitamos ser pecadores, mas não gostamos de ser identificados com o pecado, em outras palavras: Estamos debaixo da cruz, chorando e perguntando por que O Crucificaram e em nossas mãos manchadas de sangue seguramos o martelo e os pregos!

Agora posso ser pessoal?

1. Seja sincero.

Com você - Caso contrário, se você não entender a aceitar sua natureza pecadora, sabendo exatamente o nome e endereço de seu pecado, nada abaixo servirá para você, pare de ler e vá procurar algum tele evangelista interessado em seu bolso e não sua salvação. É necessário aceitar que pecou, mas que esta não é a última escolha de sua vida.

Com Deus - jogue Limpo. Na boa, quem você quer enrolar? Ele sabe você também. Palavras bonitas, promessas interessantes (e certamente improváveis de serem cumpridas) não farão Deus amá-lo mais ou menos. Trate do assunto de forma clara, direta e sem máscaras, ele conhece você e sabe o que fará em sua vida se permitir.

2. Admita que gosta de amoras.

É sua (nossa) natureza. Gostamos do "sabor do pecado". Fingir, mentir, esconder só fará você sofrer, e piorar as consequências. Admitindo e aceitando sua tendência para "aquele pecado específico", ficará mais simples evitá-lo.

Não tente achar desculpas, é natural que defendamos aquilo que gostamos, por mais que o que gostamos seja pecado. Mude de rumo, escolha outro caminho, arrependimento é Metanoia.

3. Aceite a Graça.

A obra redentora de Cristo é diária, como uma cura que buscamos todos os dias. A salvação é eterna, porém é efetuado diariamente, um carvalho pode durar gerações, porém é necessário que seja regado diariamente.

Nunca vi um vitorioso que nunca tenha experimentado a derrota. O céu não é nem nunca será lugar para aqueles que nunca caíram e mancharam suas vidas no pecado. Pelo contrário, Apocalipse revela que os salvos antes de entrar na cidade, lavaram suas vestes, pois estava manchada.

O céu é lugar de gente que caiu, mas não ficou prostrada!
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...