quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Não incomoda mais!

Hoje não abri meu player, não quis ouvir música nenhuma. Estou cansado, não de louvar, mas de pensar no louvor.

Prefiro louvar no silêncio do meu quarto e agradecer a Deus que com tanta misericórdia concede-me mais um dia de vida.

Hoje pensei em um amigo, engraçado que por mais que este não me considere mais tão amigo assim, eu ainda prezo muito por sua amizade.

Hoje refleti no que li em comentários de um post, onde em uma frenética busca por respostas certas quanto à decisão de abandonar a igreja, o que me chamou a atenção foi um comentário que dizia mais ou menos assim:

“... faça um pequeno teste, saia do sistema (igreja) e veja quantas pessoas continuarão vinculadas a você ...”

Refletindo, percebi que ao deixar a igreja é quase que infectar-se com algo terrível (pior que a gripe suína, embora muitos possam pensar que gripe e espírito nesse caso tenham o mesmo efeito e não me admira em nada se ouvir alguém traçar um paralelo sobre esses dois estados do porco! rsrs).

Hoje me dei conta de que construí amizades fictícias e não Amigos de verdade.

Mas é sempre bom lembrar... dos amigos, das risadas com os amigos, das piadas com os amigos, das conversas com os amigos. É sempre bom perceber que de alguma forma eu fui necessário na vida do outro, fui amigo; ainda que fictício; para o outro.

Hoje, meu orgulho não me envergonha mais.

Hoje, a saudade que sinto não incomoda mais.

Hoje, o amigo de longe ficou para trás.

Hoje, o que incomoda é não importar-me mais!

2 comentários:

Silvinha disse...

pois é... eu fiz esse "teste" e confirmei o que o amigo do comentário disse. e o que é pior: alguns dos "ditos" irmãos passaram a ignorar meus contatos pelo orkut (a pastora inclusive) e outros simplesmente fingem que nunca me conheceram. triste isso... mas por outro lado, foi bom ver que me preocupo demais com os outros, nem a metade do que eles se importam comigo.
por isso que a cada dia mais procuro ser amiga de Jesus, Ele sim sei que jamais me desprezará.

estou linkando seu blog ao meu, ok?!
[ ]´s!

Rodrigo Melo disse...

Olá Silvinha!

Por muito tempo relutei em deixar uma determinada igreja, mas quando decidi, sofri bem mais do que imaginava sofrer! Pensava que ao deixar a igreja estava eu negando Deus e sua obra em minha vida...

O fato é que só quando isso acontece é que nos damos conta de quem está realmente do nosso lado, independentemente de placa de igreja, e quando digo 'o nosso lado' não quero dizer apoiar eventuais escolhas erradas, mas ver o amor na conversa, no olhar e no caminhar daqueles que estão (e estiveram) do nosso lado...

É triste perceber que muitas vezes estamos dentro de um clube chamado igreja, mas é gratificante saber que Deus nos deixa passar por tais adversidades afim de nos fortalecer.

Obrigado por linkar o meu blog!

A Paz!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...