quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Você é "Louco"! E "EU" com isso?!

Tem um tempo para mim? Leia por favor!

Estou realmente acabado. É uma sensação de desgaste total. Isso só aconteceu porque entre tantas tarefas no trabalho ainda tenho que ouvir algumas pessoas e 'entendê-las', mas afinal, quem é que vai entender-me?

Quem deixará os ouvidos à postos para meia hora de desabafo meu?

Lidar com o ser humano é algo extremamente difícil. Vejam só vocês, durante esses últimos três meses precisei conviver com uma pessoa de bom coração, de boa fala, de boa família, diria até... acima de qualquer suspeita, mas ao longo desses meses e, em meio a tantas conversas e o próprio trabalho, descobri que estava lidando com um louco! É verdade, esse post não é uma brincadeira...

Entendam, não estou criticando a pessoa, ou estou? Se estou, não é a intenção.

Responde aí... você já trabalhou com alguém assim, com síndrome do pânico, com mania de perseguição ou com temperamento bipolar? Agora imagine uma pessoa com esses três problemas? Imaginou?

Bom galera... só queria compartilhar com vocês esse meu momento de total desgaste psicológico, alguém manda um help?

Como lidar com alguém assim?

5 comentários:

Valdeir Almeida disse...

Trabalhei 4 anos com uma pessoa com característica semelhante.

Cara, sei o que você está passando, mas nem sei o que te dizer.

É de enlouquecer qualquer um.

Abraços

Claudia Nunes disse...

Não tenha memória! Assim você esquece de coisas que tenham te deixado perturbado e chateado. Nem adianta mesmo, porque no dia seguinte o cara nem vai lembrar do que te fez. Fique com Deus.

Ruy Cavalcante disse...

Eu tenho duas amigas assim.. uma encontra-se em situação um pouco pior... o que tenho aprendido é qu o amor é a melhor maneira de tratar a situação...

É como a irmã claudia falou, não tenha memória das perturbações, procure entender a patologia desta pessoa, pois tenho certeza que ela sofre mais do que qualquer um por ser assim, mas não consegue ser diferente..

Quanto ao mais, só Cristo em nossas vidas... abraço

Wesllão F. S. Nogueira disse...

Ora, não pense q vc é o único a ter problemas. eu tbm trabalho com pessoas assim, e, acredite, tenho aprendido muito. Isso porque eu entendo que o meu papel no meio delas é fundamental: Deus me colocou ali para ser a diferença, para levar a luz onde há trevas.


Ademais, o que se pode entender por "louco"? O que é ser louco? Qual é o limite entre a sanidade e a loucura? Ora, todos temos problemas. Isso não foge à regra aos problemas emocionais. Quem me garante que eu e vc não somos loucos, em algum nível?

Acredite, ninguem sofre de transtorno bipolar ou síndrome do pânico porque quer. É uma patologia, deve ser tratada. Nós, enquanto cristãos, temos o dever de estender a mão e ajudar.

Claro que as vezes cansa, e dá vontade de sair correndo. é normal, somos seres humanos. Mas isso não ajudaria nada: somente o AMOR que há e nós tem poder pra transformar as pessoas. Somente Cristo.

Olhe só:

"Sede pois, irmãos, pacientes até à vinda do Senhor. Eis que o lavrador espera o precioso fruto da terra, aguardando-o com paciência, até que receba a chuva temporã e serôdia.
8 Sede vós também pacientes, fortalecei os vossos corações; porque já a vinda do Senhor está próxima.
9 Irmãos, não vos queixeis uns contra os outros, para que não sejais condenados. Eis que o juiz está à porta.
10 Meus irmãos, tomai por exemplo de aflição e paciência os profetas que falaram em nome do Senhor.
11 Eis que temos por bem-aventurados os que sofreram. Ouvistes qual foi a paciência de Jó, e vistes o fim que o Senhor lhe deu; porque o Senhor é muito misericordioso e piedoso.
12 ¶ Mas, sobretudo, meus irmãos, não jureis, nem pelo céu, nem pela terra, nem façais qualquer outro juramento; mas que a vossa palavra seja sim, sim, e não, não; para que não caiais em condenação.
13 Está alguém entre vós aflito? Ore. Está alguém contente? Cante louvores.
14 Está alguém entre vós doente? Chame os presbíteros da igreja, e orem sobre ele, ungindo-o com azeite em nome do Senhor;
15 E a oração da fé salvará o doente, e o Senhor o levantará; e, se houver cometido pecados, ser-lhe-ão perdoados.
16 Confessai as vossas culpas uns aos outros, e orai uns pelos outros, para que sareis. A oração feita por um justo pode muito em seus efeitos."Tg 5.7-16

Glorifique a Deus pela sua vida, e pela verdade revelada em si.

Rodrigo Melo disse...

Olá Valdeir!

É verdade... situações assim, só nos fazem enlouquecer. O bom mesmo é poder apredender a superar esses medos com as dicas do pessoal que aqui deixaram valiosos comentários.

Abçs!

Oi Claúdia!

Adorei sua dica. Pratiquei o 'não tenha memória' e não é que deu certo! :) Não esqueci da pessoa, mas deixei de lado suas atitudes.

A Paz, Fica com Ele!

Caro Ruy!

Confesso que quando postei sobre esta situação não esperava que outras pessoas relatassem situações parecidas, achamos que somos os únicos a passar por isso (grande engano).

Como bem disse você... "O amor é a melhor maneira de tratar a situação"

Abçs!

Olá Wesllão!

Acho que o meu maior problema foi não reconhecer que poderia ter feito a diferença. Não ter estendido a mão o suficiente para poder ajudar essa pessoa, talvez tenha sido o meu maior erro.

Fiquei muito pensativo com seu comentário, ouvir verdades incomoda muito. Por isso, quero agradecer a Deus por direcionar você e os demais até esse post.

Fica na Paz!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...