sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Nada de novo no Ano Novo, será?

0 comentários
Incrível como este ano aconteceu sem que eu percebesse (até agora) o grande avanço obtido em minhas amizades, meus relacionamentos, superando minhas próprias expectativas.

Sempre que chegava o final de ano, um sentimento nostálgico rondava a minha mente e o meu coração. Uma sensação de que no passado já havia vivido momentos melhores e que não podia esperar ‘muito’ para o ano seguinte. Sempre foi assim: Natal, Ano Novo e a angústia por perceber que não cresci verdadeiramente, não como um adulto e cristão.

Cheguei a pensar que existia um carma em minha vida, tipo um inferno astral. É pessoal, por vários anos seguidos me preparava para uma ‘bomba’ que estourava todo o final de ano. Uma delas foi uma suposta denúncia de assédio moral em uma empresa que trabalhei, outra foi uma amizade que terminou por conta da incapacidade de dialogar, e mais recentemente me deparei com uma liderança ousada e por que não usada pelo diabo, enfim, foram muitos os problemas que me tiraram a paz, justamente em um momento de renovo e reflexão, mas que para mim tornava-se decepção. Foram anos e anos sem que eu me desse conta de que deixava de viver o melhor de Deus para minha vida.

Mas este ano foi diferente, o que parecia inferno astral transformei em circunstâncias, mudei o foco e passei a enxergar através das pessoas e suas intenções. Fiquei mais introspectivo que o normal é verdade, mas valeu cada palavra não dita e cada pensamento preso em minha própria mente. Desta forma vi relacionamentos se fortificarem e muitos outros desmoronarem sem que necessariamente eu precisasse me expor, foi algo de Deus e ainda tem muito mais por vir, pois percebi que Deus não precisa de mim para agir, porém, se assim o quiser Ele o fará.

Agindo com cautela e de sobreaviso, superei mais um ano de trabalho cheio de desafios com metas e o mais importante como uma família unida em um único objetivo.

E percebi que o que move os relacionamentos começa em como você interage com os outros e desta forma tentei, inda que lentamente, mudar para que familiares me enxergassem diferente do que antes era e comecei a enxergá-los de outra forma. Não é fácil, não traz prazer imediato, não conforta o coração, mas como cristão temos que ser diferentes e agir diferente.

Este ano foi como outro qualquer, cheio de altos e baixo, corrido como todos os demais, mas diferente de todos, porque eu posso enxergar possibilidades para o ano que vem:

Posso ser um homem melhor, um marido melhor, um filho melhor e um irmão melhor.

Posso ter um emprego melhor e eventualmente ter um salário melhor, porque não?

Posso ter mais e mais amigos e um relacionamento melhor com Deus.

Posso fazer uma faculdade, pois é depois de tanta resistência acabei cedendo.

Enfim, como tudo que aconteceu este ano foi demasiadamente bom, eu creio que no ano que vem tudo será de novo, NOVO.
 E para você, quais são as possibilidades para 2011?

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Quem é você? - Parte 4

0 comentários
Por Ev. Elias Codinhoto - Blog Mensagem de Vida


Quem você é? Você é o que Deus diz que você é!



A maior expressão do amor de Deus para nós é esta: “Mas Deus prova o seu próprio amor para conosco pelo fato de ter Cristo morrido por nós, sendo nós ainda pecadores” Romanos 5:8.


Com qual visão vai ficar?  A dos outros, a sua ou a de Deus?

“Os céus e a terra tomo, hoje, por testemunhas contra ti, que te propus a vida e a morte, a bênção e a maldição; escolhe, pois, a vida, para que vivas, tu e a tua descendência, amando o Senhor, teu Deus, dando ouvidos à sua voz e apegando-te a ele; pois disto depende a tua vida e a tua longevidade; para que habites na terra que o Senhor, sob juramento, prometeu dar a teus pais, Abraão, Isaque e Jacó” Dt 30:19-20.

... Ao concluir a ministração, voltei para meu lugar, mas, o Espírito Santo começou a falar comigo, dizendo que tinha pessoas ali que estavam tão feridas em sua identidade, que mesmo depois de ouvirem como Deus as vê ainda se questionavam: “será que sou realmente o que o pregador diz que sou?”.

O grupo de louvor já tinha começado a ministrar e eu estava reprimido pensando: “eu já entreguei o microfone, não posso retornar ao púlpito”. O Espírito Santo, porém, insistia comigo: “você precisa orar por eles, convidando-os a dar um passo de fé”.

Percebendo que não podia resistir, tomei coragem e voltei ao púlpito. O grupo de louvor estava muito sensível a tudo que Deus estava fazendo ali e, imediatamente o Pb. Felipe me devolveu o microfone. O louvor continuou baixinho enquanto eu fazia o apelo: “O Senhor me pediu que voltasse por você (enfatizei). Ele me disse que tem pessoas aqui, que foram tão feridas em suas identidades, que ainda se questionam se realmente são o que Deus te diz que são. Eu voltei para orar por vocês. Saiam de seus lugares e venham à frente, pois Deus quer que oremos, Ele quer restaurar identidades aqui!”.

Eu não pude deixar de notar o espanto do líder do louvor, quando imediatamente as pessoas se levantaram para vir à frente. Sei que Deus restaurou a vida de muitos naquela noite.

Talvez você esteja se perguntando por que estou descrevendo o momento do apelo. É justamente por sua causa! Você que também precisa desta oração. Dê um passo de fé e ore comigo:

“Querido Deus! Somente o Senhor pode definir quem sou. Eu me arrependo por ter dado ouvido as vozes, seja dos outros ou a minha própria. Eu concordo com Sua visão a meu respeito e aceito Sua Graça (favor imerecido). Quero ser o que o Senhor diz que sou. Por isso limpe minha mente e meu coração de toda palavra mentirosa, continue falando a meu espírito, quero estar sensível a Sua voz, pois só Tu podes dizer quem sou. Amém!”

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

Quem é você? - Parte 3

1 comentários
Por Ev. Elias Codinhoto - Blog Mensagem de Vida


Você é meu filho! João 1:12 - "... deu-lhes o direito de se tornarem filhos de Deus..."

Você é mais que vencedor, pois Eu te amo! Romanos 8:37b

Você é sal da terra! Mateus 5:13

Você é luz do mundo! Mateus 5:14

Você é amigo de Cristo! João 15:15 "... eu os tenho chamado amigos..."

Você é sacerdote, e reinará sobre a terra! Apocalipse 1:6; 5:10; 20:6

Você é parte da videira verdadeira, um canal da vida de Cristo! João 15:1-5

Você é escolhido por Cristo para produzir seu fruto! João 15:16

Você é servo da justiça! Romanos 6:18 "... tornaram-se escravos da justiça..."

Você é servo de Deus! Romanos 6:22

Você é justo e santo! Efésios 4:24 "... semelhante a Deus em justiça e em santiade..."

Você é cidadão dos céus! Filipenses 3:20

Você é santuário de Deus!  1 Coríntios 3:16

Você é ministro da reconciliação! 2 Coríntios 5:17-20

Você é filho da Luz a não das trevas! 1 Tessalonicenses 5:5

Você é uma nova criatura em Cristo! 2 Coríntios 5:17

Você é feitura de Deus! Efésios 2:10 "... somos criação de Deus..."

Você é co-herdeiro com Cristo, compartilhando a Sua herança! Romanos 8:17

Você é templo, morada de Deus, Seu Espírito e Sua vida estão em ti! 1Co 3:16; 6:19

Você é obra de Deus, nascido em Cristo para fazer a sua obra! Efésios 2:10

Você é nascido de Deus e o maligno não pode tocar-lhe! 1 João 5:18

Você é livre para sempre da condenação! Romanos 8:1-2

Você está certo de que todas as coisas cooperam para o seu bem! Romanos 8:28

Você está assentado nos lugares celestiais! Efésios 2:6

Você pode tudo em Cristo que te fortalece! Filipenses 4:13

Você não recebeu espírito de covardia, mas de poder, amor e moderação! 2 Timóteo 1:7

Você pode encontrar graça e misericórdia em ocasião de necessidade! Hebreus 4:16

Você foi remido e perdoado de todos os seus pecados! Colossenses 1:14

Você é completo em Cristo! Colosseses 2:10  "... vocês receberam a plenitude..."

... continua ...

domingo, 26 de dezembro de 2010

Quem é você? - Parte 2

0 comentários
Por Ev. Elias Codinhoto - Blog Mensagem de Vida 

1 - Quem os outros dizem que sou?

Muitas pessoas criaram suas identidades baseadas nas opiniões dos outros e hoje são pessoas frustradas, com baixa autoestima, tristes, frustradas. Quando deixamos que as pessoas definam quem somos, elas se tornam deuses em nossas vidas, pois nos tornamos o que elas falam.

Quando alguém diz: “você não é nada, você não vai conseguir, você é feia, magra, gorda, burra, irresponsável, fracassada e etc.”, se damos atenção, nos tornaremos isso mesmo, principalmente quando quem fala é alguém que valorizamos, que amamos, respeitamos, como nossos pais, parentes e amigos.

Saiba que Deus não deu a ninguém esse direito, mesmo a quem amamos. “Eu é que sei que pensamentos tenho a vosso respeito, diz o SENHOR; pensamentos de paz e não de mal, para vos dar o fim que desejais.” Jeremias 29:11

2 - Quem eu digo que sou?

A outra resposta é: quem sou aos meus próprios olhos, como me vejo no espelho, como me defino.

Se você tem uma autoestima forte, pode se definir além do que é, e, é assim que muitos se tornam pessoas arrogantes, autoritários, amantes de si mesmas, pessoas de coração endurecido (Ezequiel 11:19 e 36:26), que não valorizam ao próximo.

Outros, com autoestima fraca, podem se definir abaixo do que são, e se tornam pessoas tímidas, infelizes, sempre acreditando que os outros são melhores do que elas, sem iniciativa, são medrosas, desistem facilmente de seus ideais, a vida delas se torna uma decepção constante. Por mais que sejam belas, que tenham as coisas, ainda se acham feias e sem nada, é como se ninguém as amasse. A Bíblia diz: “Enganoso é o coração, mais do que todas as coisas, e desesperadamente corrupto; quem o conhecerá?” Jeremias 17:9. É arriscado seguir esse coração enganoso e corrupto, não podemos confiar nossa identidade a nossa própria visão.

3 - Quem Deus diz que sou?

A terceira e ultima resposta é: “quem eu sou aos olhos de Deus e como Ele me vê”.

Somente o Criador, aquele que projetou o ser humano, traçou as cadeias de DNA, emoções, sentimentos, cor de pele, cabelos e etc, pode dizer quem somos. Todas as outras respostas são meras suposições, não se aproximam da verdade, e verdade é uma só: “Respondeu-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida; ninguém vem ao Pai senão por mim” João 14:6. Jesus é a verdade, só Ele pode dizer quem você é.

Se você quiser saber quem é aos olhos dos outros, basta perguntar-lhes. Para saber quem é aos seus próprios olhos, é só se olhar no espelho e descrever a imagem que vê. Mas, se você quiser saber quem é aos olhos de Deus e realmente conhecer a verdade a seu respeito, deixe o Espírito Santo te conduzir pelas páginas da Bíblia Sagrada, então ouvirá o Pai sussurrando aos seus ouvidos...

... continua ...

sábado, 25 de dezembro de 2010

Quem é você? - Parte 1

0 comentários
Por Ev. Elias Codinhoto - Blog Mensagem de Vida

Chegando Jesus à região de Cesaréia de Filipe, perguntou aos seus discípulos: "Quem os outros dizem que o Filho do homem é? Eles responderam: "Alguns dizem que é João Batista; outros, Elias; e, ainda outros, Jeremias ou um dos profetas". "E vocês?", perguntou ele. "Quem vocês dizem que eu sou?" Simão Pedro respondeu: "Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo". Respondeu Jesus: "Feliz é você, Simão, filho de Jonas! Porque isto não lhe foi revelado por carne ou sangue, mas por meu Pai que está nos céus.Mateus 16:13-17

... Uma passada rápida pelo hotel Tourist (onde eu fiquei hospedado)... e meus anfitriões já batiam à porta para me levar de volta à igreja. O jantar foi servido no Salão Social, que leva o nome do Pr. Moacir Barcelos da Silva, um grande homem, que, pelo que me contaram, foi um dos fundadores da igreja em Pelotas. Os irmãos que vieram em caravanas e muitos membros da igreja local se reuniram para o jantar, como no Salmo 133:1 ...

A igreja estava lotada. Os diáconos tiveram que improvisar acentos com as cadeiras do refeitório. Me informaram que tinha cerca de quatrocentas pessoas na reunião da noite. Após um período muito abençoado de louvor e adoração, foi me dada novamente a oportunidade. Não era preciso ser muito espiritual para perceber que o Espírito Santo estava no controle do culto, pois sua presença era marcada por alegria, paz, comunhão e temor a Deus...

Diz o texto de Mateus 16, que Jesus foi para os lados de Cesaréia, que significa “separado”. Cesaréia de Filipe estava situada ao pé do Líbano, próximo as nascentes do Jordão em Gaulanites. Anteriormente chamada de Panéias, foi posteriormente reconstruída por Felipe, o tetrarca, e chamada por ele de Cesaréia, em honra a Tibério César; subseqüentemente chamada Neronias por Agripa II, em honra a Nero. Cesaréia da Palestina foi construída próximo ao Mediterrâneo por Herodes, o grande, no lugar da Torre de Estrabo, entre Jope e Dora. Foi provida com um porto magnífico e recebeu o nome Cesaréia em honra a Augusto. Foi a residência de procuradores romanos, e a maioria de seus habitantes eram gregos. Foi neste cenário, um lugar “separado”, que o Mestre pergunta a seus discípulos: “Quem sou Eu?”. Quero propor que transfira a pergunta para si: Quem é você?

Talvez você responda a está pergunta dizendo: “sou Elias, João, Maria, Antônio, Fátima, Lucia, Edson...”. Mas, será que Deus concedeu a seus pais o direito de irem a um cartório e com isso definir quem você é? Veja o que a Bíblia diz: “Quem tem ouvidos ouça o que o Espírito diz às igrejas: Ao que vencer darei eu a comer do maná escondido e dar-lhe-ei uma pedra branca, e na pedra um novo nome escrito, o qual ninguém conhece senão aquele que o recebe” Apocalipse 2:17. Deus tem um novo nome para você, um nome que Ele conhece e, é por esse nome que Deus te chama, então não importa o nome que seus pais te deram. Você é mais que um nome!

Talvez você ainda responda dizendo: “sou brasileiro, americano, italiano, nordestino, baiano, carioca...”. Mas será que o lugar onde você nasceu pode definir quem você é? Você é mais do que uma região geográfica!

Ou talvez sua resposta seja: “sou jovem, adolescente, idoso, ou uma criança, como respondeu Jeremias (Jr 1:6)”. Mas ainda questiono: “será que o momento em que nascemos pode definir quem somos?” - Alguns ainda dizem: “sou de gêmeos, de capricórnio, de leão...”. Mas será que o dia de se nascimento pode definir quem você é? Você é mais que um signo, mais que uma data de nascimento!

Ainda tem os que dizem: “sou operário, pedreiro, médico, advogado...”. Será que nossos estudos, nossa formação profissional define quem somos?

Afinal! Quem é você?

Conforme texto áureo, existem três respostas a essa pergunta.

Primeiro Jesus pergunta: “Quem os outros dizem que o Filho do homem é?”, ou seja, o que os outros dizem a meu respeito, quem sou eu na visão dos outros?

Segundo: “Quem vocês dizem que eu sou?”, qual a sua própria opinião?

Mas a resposta de Pedro vem em uma terceira ótica: “Porque isto não lhe foi revelado por carne ou sangue, mas por meu Pai que está nos céus.”, Pedro respondeu com a verdade porque não expressou a opinião dos outros nem a sua própria, mas respondeu segundo a visão do criador.

... continua ...

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Relacionamentos.

0 comentários

É certo que Deus quando fez o ser humano não o fez para viver sozinho, tanto é que Ele mesmo disse: “... não é bom que o homem esteja só...” Gênesis 2:18. Deus fez o homem para viver em comunidade, em família, para relacionar-se.

Ao estabelecer a Sua Igreja, Jesus Cristo dá a mesma ênfase e podemos ver isto nos textos a seguir: Romanos 12:5, fala que a Igreja é um corpo e estamos todos ligados, Atos 2:42, menciona a comunhão da Igreja e por último, Atos 2:44, diz que mantinham-se unidos.

A Igreja é chamada de Corpo e Família. Tanto uma coisa como outra subentende interdependência para o bom funcionamento. O desejo de Deus é nos aperfeiçoar por meio dos relacionamentos, tirar de nós o egoísmo, nos fazer cada vez mais altruístas (relação onde o outro é mais importante) e praticantes do amor compassivo.

Relacionar-se é tão importante para a Igreja, que no Novo Testamento as expressões “uns com os outros”, “uns aos outros” e “entre si” aparecem mais de cinquenta vezes. Como cristãos e parte integrante do Corpo de Cristo, somos ordenados a: amar, saudar, incentivar, admoestar, servir, ensinar, aceitar, honrar, perdoar, submeter-se, nos dedicar uns aos outros, orar uns pelos outros e carregar o fardo uns dos outros.

Como vemos, temos muitas obrigações mútuas no corpo de Cristo e isto é ser membro, do ponto de vista bíblico. Essas são nossas responsabilidades familiares, que devemos cumprir nos relacionando na Família de Deus. Se repararmos na expressão “uns aos outros”, perceberemos que a iniciativa sempre partirá de mim. Isto também é dito no texto de Mateus 7:12 “Assim, em tudo, façam aos outros o que vocês querem que eles lhes façam...”.

Deus nos aperfeiçoa por meio dos relacionamentos, esta foi uma das maneiras que Ele encontrou para fazê-lo no corpo de Cristo. Rick Warren fez uma declaração que esclarece e conclui este pensamento: “Somente pelo contato regular com crentes comuns e imperfeitos podemos aprender o verdadeiro companheirismo e experimentar a verdade do Novo Testamento: sermos unidos e dependentes uns dos outros.”

Que Deus nos abençoe e nos amadureça nesta caminhada de servirmos o Corpo de Cristo, a Família de Deus e uns aos outros no amor do Senhor.

Parabéns Tarbernáculo Jacuí por mais este ano de benção.

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

A inveja dos homens malignos.

0 comentários
Essa semana novamente o velho homem apareceu. Ele é assim: chega de repente e quer causar um grande estrago. Quanto mais eu me preparo para enfrentá-lo, mais ele arranja meios para me tirar do alvo.

No meu caso o velho homem aparece, na maioria das vezes, quando vejo a ‘ungida do senhor’. Ela realmente me tira do sério com seu jeito peculiar de ser.

Mas de que adianta toda essa resistência e falta de compreensão da minha parte? De que adianta esbravejar e ainda que erroneamente, querer tirar satisfações de uma ‘Pobre coitada’? Devo sempre ter à memória de que Deus está voltando e muitos que se dizem Teus filhos não o são de verdade, embora estejam trabalhando incansavelmente na obra do Senhor, o fazem por simples incompreensão do ‘ide’ do Senhor.

Quero um dia compreender porque pessoas agem assim, quero um dia poder olhar para algumas delas e não sentir mais repulsa.

E o que importa nesse momento é ouvir o que a Palavra do Senhor tem a dizer: “Não tenhas inveja dos homens malignos, nem desejes estar com eles, pois o seu coração medita a violência, e os seus lábios falam maliciosamente.” Provérbios 24:1e2

Meu caro leitor, isso já aconteceu com você, ter um sentimento de inveja por pessoas más? Eu, até pouco tempo atrás me envergonhava por achar que esse sentimento em minha vida era genuíno, mas ao ler esse versículo, percebi como o inimigo quer nos confundir, e descobri o que nutria esse sentimento: a raiva e a incompreensão pelo simples fato de pessoas más estarem à frente de ministérios.

O segundo passo é querer ‘estar’ com eles, talvez não literalmente, mas de uma maneira que possamos acompanhá-los de longe em suas peripécias. É um desejo de compartilhar, de viver o que eles vivem, de fazer o que fazem, baseando-se na inveja que nutrimos por eles, entende? Mesmo sabendo que meditam em seus corações a violência, não física, mas espiritual, comparado a um assédio moral cristão, mesmo sabendo que só falam maliciosamente e evidenciam a intenção de tirar vantagem por trás de cada palavra e cada gesto. Ainda assim, nutrimos o desejo de ‘estar’ com eles.

Mas que bom que o Senhor é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na angústia. Ele é fiel, e Suas misericórdias se renovam a cada manhã.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...