segunda-feira, 31 de dezembro de 2012

Sétimo e último post do ano.



O que dizer de 2012? Foi bom! Foi necessário! Foi agressivo! Foi hilário! Foi ‘tanto’, e ao mesmo tempo foi ‘nada’.

Dois mil e doze foi o que tinha que ser.

Dois mil e doze me encheu de expectativas, muitas na verdade, mas pouquíssimas delas se concretizaram, porque foi o que tinha que ser. Teve a insistência em um emprego, a continuidade em uma universidade, a felicidade de um relacionamento. Mas foi por conta do relacionamento que continuo na universidade e insisto no emprego.

Em dois mil e doze conheci muita gente nova, muita na verdade, mas os amigos de outrora mal consegui rever, porque foi o que tinha que ser. Como foi divertido o convívio com as ‘doidas’ da universidade. E quantas risadas no fretado, esse pessoal do trabalho é demais (ok, nem todos!).  Nossa que saudades de algumas pessoas (não citarei nomes para não ser injusto), e apesar da correria foi bom ao menos falar ao telefone ou no inbox.

Dois mil e doze termina e com ele ficam alguns relacionamentos, porque foi o que tinha que ser. Relacionar-se é tão estranho e ao mesmo tempo tão natural, porém, o que levo da incompatibilidade de algumas amizades é o crescimento e aprendizado pessoal e isso não tem preço.

Dois mil e doze tinha tudo pra ser diferente, e foi, mas no final acabo com um gosto amargo, mas foi o que tinha que ser. Cansei de receber ‘sms’ padrão, mas entendo que isso faz parte de algo muito maior, pelo menos para quem enviou. Cansei de ver pessoas aproximando-se das outras visando seus interesses pessoais. Cansei de...  Bom, acho que agora começa um blá blá blá que é só meu e não vai mudar em nada o que as pessoas fazem ou deixam de fazer, portanto, vou poupá-los dessa conversa fiada.
  
O que posso fazer é agradecer as pessoas que passaram em minha vida, agradeço também aos que passaram e voltaram, mas quero é agradecer duplamente por aqueles que ao passarem, ficaram, pois sei que não é fácil conviver com uma pessoa tão austera como eu.

Dois mil e treze será melhor, sei disso, pois será a continuidade dos projetos de dois mil e doze.

Feliz 2013!
Rodrigo Melo.

2 comentários:

diaconosergiohschristino disse...

Olá, a paz. Estou passando para desejar um Feliz ano novo cheio da graça e da presença do Salvador para você e toda a sua família. Grande abraço e Feliz 2013.
Diacono Sergio Christino

António Jesus Batalha disse...

Estou alegre por encontrar blogs como o seu, ao ler algumas coisas,
reparei que tem aqui um bom blog, feito com carinho,
Posso dizer que gostei do que li e desde já quero dar-lhe os parabéns,
decerto que virei aqui mais vezes.
Sou António Batalha.
Que lhe deseja muitas felicidade e saúde em toda a sua casa.
PS.Se desejar visite O Peregrino E Servo, e se o desejar
siga, mas só se gostar, eu vou retribuir seguindo também o seu.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...